Segunda-feira, 13 de Dezembro de 2004

Encontros (des)Virtuais

Acho que todos nós passamos por um "encontro virtual" como a Badbadlolita nos conta! O irc proporciona sensações muito fortes apenas através de simples palavras! Tudo se torna um vicío... ás vezes parece uma viagem sem retorno. Mas há solução, como diz o velho ditado popular, longe da vista longe do coração...ou seja, longe do nick, longe do coração.




r22r.jpgespalda3.jpg


ENCONTRO VIRTUAL



Durante as minhas deambulações pela net, tive oportunidade de fazer amigos, de conhecer gente doente ou muito doente, de conhecer o esplendido animal que é o net-engatatão-declarado, e o net-bom-rapaz-da-porta-ao-lado. Este ultimo obviamente, com o passar do tempo, revela-se um net-gostaria-de-ser- engatatão…



Quem frequenta os chat rooms sabe bem o risco que corre... O que era um passatempo torna-se um vício como outro qualquer, por exemplo fumar, mas todos sabemos quanto é difícil deixar de fumar.





3_016.jpg

Na net por vezes fazem-se encontros simpáticos. Quem não conheceu o partner ideal, homem de boa conversa, alegre, disponível, inteligente, etc. Nasce uma cumplicidade entre os dois interlocutores, e lá começa a interminável história da troca de fotos... ele não é como esperavas, mas apesar de teres descoberto que é feio e magro (e tu gostas de feios e gordos) a tua dependência mental não diminui. Não vês a hora de falar com ele, de saber o que faz, como está.



O aspecto físico passa para segundo plano, aliás já nem conta - não obstante tudo, para te libertares desta dependência continuas a dizer a ti mesma: este homem não tem nada a ver comigo, é tão magrinho! Mas o teu cérebro não quer saber dos teus lamentos, das tuas crises, o teu cérebro ao contrario de ti já percebeu que o net-boy é uma âncora, um porto seguro sem muitas complicações (aparentemente).



Pobre net-boy, o que te fez gostar dele desde a primeira vez que o “viste” agora dá-te nervos: a sua disponibilidade para o sexo feminino, a sua simpatia. Ciúme, maldito ciúme, tu quere-lo só para ti, mas não é possível ele é assim, e sobretudo, ele não quer perder um único momento de fascínio que exerce sobre as mulheres. Na sua vida quotidiana não acontece, na vida real poucas sabem que existe, e uma delas é a mãe (porquê priva-lo desta felicidade?).
É inútil, a possessividade comanda - É inevitável, a história (salvo raras excepções), acaba mal.





5_009.jpg


BadBadLolita


ero7.gif



Impressão Digital Cereza às 23:04
link do post | Rugir | Adicionar aos Favoritos
|
22 comentários:
De Selvagem Anónimo a 14 de Dezembro de 2004 às 00:02
estiveste mt bem badbadlolita. só tenho um reparo a fazer...pq é que arranjaram uma foto dum gajo com o peito descaido? lolllllldeusa
</a>
(mailto:deusita@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 14 de Dezembro de 2004 às 00:46
trocaram a foto? no problem..uma pequena informação...o nº de telele do gajo.. alguém sabe? lollldeusa
</a>
(mailto:deusita@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 14 de Dezembro de 2004 às 00:51
Realmente Bad, tudo o que descreveste é bem real.Também fiz as mesmas perguntas, pq? se não tem nada a ver comigo!? Mas estas coisas acontecem sem entendermos pq!... o melhor é conhecer pessoalmente bem essa pessoa, para assimilar que esse nick nada tem a ver conosco... melhor ainda é, longe da vista (no irc) longe do coração, de facto é remedio santo... e melhor ainda, é partir para outra :)

beijinho Tridente
</a>
(mailto:tridente@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 14 de Dezembro de 2004 às 09:20
Há ainda a categoria dos empatas, não esquecer ;) looolllllllllll
Beijokas para a "desaparecida" :P***Watergod
</a>
(mailto:a@a.com)


De Selvagem Anónimo a 14 de Dezembro de 2004 às 10:43
Há de tudo, é verdade. Mas, por favor, não metam tudo no mesmo saco (e não não é o saco do Pai Natal). É tão bom manter o anonimato. lololololol
formasdolhar
</a>
(mailto:formas_de_olhar@sapo.pt)


De Selvagem Anónimo a 14 de Dezembro de 2004 às 10:47
É verdade sim...´´o sentido de posse``....quando entenderem que nada nos pertence e que tudo tem um fim....começaremos a viver cada momento como se fosse o ultimo....o passado ficou lá atrás e o futuro não sabemos se virá..... Aceito esta minha verdade....e nela encontro paz.....Tento....Parabens bad...O texto espelha bem uma parte do irc.Um beijo pa ti....Cereza,a foto está super-´Linda `(é um camaleão a Sra)marta
</a>
(mailto:martax_30@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 14 de Dezembro de 2004 às 12:23
Eu discordo do comentário do formasdolhar, é que tens mesmo de meter tudo no mesmo saco, e já agora fecha em cima. Quanto ao Watergod, tás lindo! Apenas uma coisinha quanto mais IRC menos vida.Cetus
(http://25-45.tuxsp.org)
(mailto:teixeirarui@msn.com)


De Selvagem Anónimo a 14 de Dezembro de 2004 às 15:57
Infelizmente a vida prega-nos muitas partidas... mas do mau acaba por surgir sempre o bom. o tempo tudo cura, felizmente. Hoje por exemplo sinto-me feliz por ter fechado mais um capitulo na minha vida... pq a vida é como um livro.

jinhos para todos

cereza
</a>
(mailto:lis_tv@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 14 de Dezembro de 2004 às 18:36
É só para dizer que a Cereza anda há uns 3 anos a dizer que me paga um café e ainda não vi nada :|Fonz
</a>
(mailto:malcato@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 14 de Dezembro de 2004 às 19:11
fonz more mio, eu sei que me adorassssss :) ok ok vamos tomar o café!!!!cereza
</a>
(mailto:lis_tv@hotmail.com)


Ah... Comenta-me