Domingo, 7 de Maio de 2006

(Des)Vestir

     
O Verão está á porta, e com o calor só apetece "despir", e mostrar o bronze... certo?
Fica aqui um tema interessante da Bonecarussa.
.
.
Whenever these blue teardrops are falling
Oh no - and my emotional stability is leaving me
There is something I can do
Oh- I can get on the telephone and call you up baby
Darling, I know you'll be there to relieve me
The love you give to me will free me
And if you don't know the things you're dealing
Oh- I can tell you darling, oh it's sexual healing
Get up, Get up, Get up, Get up
Let's make love tonight
Wake up, Wake up, Wake up, Wake up
'Cause you do it right
   
Nascemos nus. Mas assim que damos o primeiro berro, alguém trata de nos agasalhar. O acto de vestir é uma obrigação social. A nudez é um atentado à "moral" e podemos ser presos se a praticarmos. Ninguém anda nu na rua. Não? Tenho dúvidas.
Hoje em dia verifica-se uma certa "libertação" do corpo... já não são soutiens queimados e arremessados... é mesmo a moda das mamas à mostra, da exaltação dos umbigos, dos pêlos púbicos, da mostra do fio dental, dos boxers. Há uma tendência para a partilha do corpo com a generalidade dos transeuntes. Uma atracção pela exposição daquilo que, até à pouco tempo, era privado, ou seja, a esfera do público e do privado em termos corporais, está a mudar radicalmente.
Pensei um pouco mais nesta questão depois de ter assistido a uma conversa que passo a relatar.
Num grupo de jovens, um rapaz disse a uma rapariga:
- Olha, tens as mamas à mostra.
Ao que ela respondeu:
- Incomoda-te? Não gostas de ver?
Esta conversa não teria lugar há algum tempo atrás e se ele fizesse a pergunta, ela coraria e faria algo rapidamente para se tapar.
A resposta da garota foi um convite nítido e explícito.
Pessoalmente acho que a expressão "nem tanto ao mar, nem tanto à terra" devia ser mais aplicada, numa perspectiva de equilíbrio que se torna cada vez mais necessário e que é cada vez mais difícil de alcançar.
Porque continuamos a guardar, como quem esconde, as jóias, o ouro, e outros bens que consideramos valiosos e roubáveis, e expomos o corpo despudoradamente? O próprio estilismo da roupa tende a ser encarado como a forma de mostrar e não de cobrir. Tenderemos para a partilha efectiva e universal dos corpos? Sim, eu sei, tendo em conta o tamanho das peças de roupa, estas linhas já parecem um longo vestido de noite...
 
Bonecarussa
Heal me, my darling
I can't wait for you to operate
Heal me, my darling
I can't wait for you to operate
Heal me, my darling
I can't wait for you to...
Heal me, my darling
Heal me, my darling
Heal me, my darling
I can't wait for you to...
Oh baby, whenever these blue teardrops are falling

Heal me, my darling

Comentário em Destaque:

De flyman a 13 de Maio de 2006 às 02:51:
Difícil para a maioria mesmo, é interpretar o corpo como o envolucro que nos acompanha toda a vida. Sem falsos moralismos. Com naturalidade. Encarando a nudez como ela deve ser assumida: plenamente. Aceitando-nos como somos, imperfeitos mas sempre lindos! Espelhos? Os espelhos que se lixem! A mim, enquanto corpo, só eu me interesso. Borrifo-me no que o espelho me queria dizer. Näo lhe dou tempo, porque lá mais à frente já estou eu. A nudez é imoral? Depende do tempo e do lugar. Assim só por si, jamais! Aliás, um corpo nu é das coisas mais bonitas deste mundo. Ou os artistas, pintores, escultores, poetas, estäo todos errados?

De ^Erina^ a 14 de Maio de 2006 às 19:47:
Claro! Flyman tu lá sabes do que falas...


Impressão Digital Cereza às 18:57
link do post | Rugir | Adicionar aos Favoritos
|
8 comentários:
De flyman a 13 de Maio de 2006 às 02:51
Difícil para a maioria mesmo, é interpretar o corpo como o envolucro que nos acompanha toda a vida. Sem falsos moralismos. Com naturalidade. Encarando a nudez como ela deve ser assumida: plenamente. Aceitando-nos como somos, imperfeitos mas sempre lindos! Espelhos? Os espelhos que se lixem! A mim, enquanto corpo, só eu me interesso. Borrifo-me no que o espelho me queria dizer. Näo lhe dou tempo, porque lá mais à frente já estou eu. A nudez é imoral? Depende do tempo e do lugar. Assim só por si, jamais! Aliás, um corpo nu é das coisas mais bonitas deste mundo. Ou os artistas, pintores, escultores, poetas, estäo todos errados?


De ^Erina^ a 14 de Maio de 2006 às 19:47
Claro! Flyman tu lá sabes do que falas...


De Marco Neves a 8 de Maio de 2006 às 20:54
Há uma piada que é das minhas favoritas e que se encaixa muito bem aqui, passo a citar: «-Óh Maria!! Tens uma mama de fora!! - Aii Jazus! Quem me pôs a ôtra pa dentru?!». Pronto... dito isto... não sei, o corpo é belo desde que não muito gratuito.. digo eu..


De encantos_e_paixões a 8 de Maio de 2006 às 15:14
Pois os vicios do corpo são assim, sitios e lugares muito estranhos, que nos criam hábitos circunstanciais a maior parte das vezes.

Agora e apenas porque me apetece, aui vai para vocês todos com muitos beijinhos,

OCEANOS SÃO FEITOS DE GOTAS DE ÁGUA

Para ser ouvido, fale.
Para ser compreendido,
exponha claramente as suas ideias sem jamais
abrir mão daquelas que julga fundamentais
apenas para que os outros o aceitem.

Acima de tudo,
busque o prazer antes do sucesso,
a auto-realização antes do dinheiro,
fazer bem feito antes de pensar em obter
qualquer recompensa.

Nenhum reconhecimento externo vai substituir
a alegria de poder ser você mesmo:
"status" é comprar coisas que você não quer
com o dinheiro que você não tem para
mostrar a toda a gente de que você não gosta
uma pessoa que você não é.

Nada tem graça se não for bom para o seu corpo,
leve para o seu espirito e
agradável para o seu coração.

Para conseguir,
tente, sem pensar que o êxito surgirá logo à primeira.
Cuide de ter saúde, energia,
paciencia e determinação para continuar
e tente quantas vezes forem necessárias.

Mas ao perceber que já fez tudo o
que podia ou até mesmo um pouco mais,
mude de alvo para não se tornar
em vez de um vitorioso,
apenas mais um teimoso.

Para poder recomeçar sempre,
perdoe-se pelos fracassos e errros que cometer,
aprenda com eles e, apartir deles,
programe outra vez as suas novas acções.

Nunca se deixe iludir que será possivel
fazer tudo num só dia ou então quando,
tiver todos os recursos:
esse dia nunca virá.

Para manter-se motivado, sonhe.
Para realizar, pleneie,
pensando grande, fazendo pqueno,
um pouco a cada dia e todos os dias um pouco...
porque são pequenas gotas de água que fazem o OCEANO

Lindo não é,
Muitos beijinhos


De EraUmaVezEu a 9 de Maio de 2006 às 10:43
Eu diria mais, está espetacular se é de sua autoria muitos parabéns, se não é parabéns na mesma para o autor :)


De marta a 7 de Maio de 2006 às 23:58
A resposta foi um convite nítido e explicito???
É por essas e por outras que eu não consigo largar as golas altas!!..
Por falar em expressões”Quem não tem unhas não toca guitarra”LLooLLL


De EraUmaVezEu a 9 de Maio de 2006 às 10:50
Nao poderia estar mais de acordo, quem não tem unhas não toca guitarra, mas gostaria de as ter, como não tenho faço como a Marta, ando de gola alta LOLOLOL e não posso andar como a Patanisca apenas vestida com as marcas do bikini :P, coisa feia a inveja heheheheheheh


De Pataniska a 7 de Maio de 2006 às 22:36
Dos pelos púbicos???!! Mas a moda n é andar "rapado/a"?????!!! Cá pra mim gosto de me ver vestida com a marca do bikini....eu sei..são gostos...


Ah... Comenta-me

av_fever01.gif

.Urbanidades Recentes

. Aberto: Rui Pedro e Anoré...

. FIM

. Porque eu? porque isto? p...

. Mulher

. Hannibal - Rising

. ...

. Voltaste meu amor...

. Falling

. ...

. Uma brincadeira...

. SuGeStÕeS:

. Pedofilia ou Amor

. coragem!

. Feliz Natal

. Ainda Tango...

. Destaque no sapo: poema d...

. Sonho § Realidade

. Do Flyman

. (...)

. Parabens Lua

av_jml12.gif myarms-yourhearse.gif

.Selvas já Visitadas

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

10MM.gif

.Procura no UJ

 

.Posts Favoritos

. Falling

. Destak

. UJ no DN

. Putas, Prostitutas (os) e...

. Casos Reais: Putas, Prost...

. Maria Madalena: Prostitut...

. "Schindler português"?

. Dedicado ao meu Pai!

. Caso de Vida

. Os BrancosNegros ou Negro...