21 comentários:
De sptutenik a 20 de Janeiro de 2012 às 22:31
o hino já foi "contra os bretões", depois foi "contra os canhões".
Nos dias de hoje não ficaria mal se fosse "contra os ladrões".


De Selvagem Anónimo a 15 de Janeiro de 2011 às 22:42
CLARO QUE NÃO.


De isabel a 26 de Julho de 2006 às 00:33
Como monarquica, anarquica e pouco mais, canto o hino, venero a bandeira e patritismo a parte, gosto...muito!
So lamento a banalizacao da mesma e o facto de estarmos a embandeirar, lembrança de algumas ludovinas, por caminhos menos claros (claros para apenas alguns).
Por acaso o hino nacional de França tem nome de cidade, A Marselhesa. Sempre gostava de ver se o hino nacional de Portugal se chamasse A Portista, ou A Lisboeta, ou mesmo A Portucale... ficaria o Norte sempre a frente, porque o resto veio depois!

Uma bandeira violeta, devia ser um must...


De WG a 25 de Julho de 2006 às 11:14
Olhem que rica colecção de Velhos do Restelo que aqui temos! LOL

Vocês já repararam quantas vezes mudámos de bandeira e quantas vezes mudámos de hino? Isso diz-nos que nada é para sempre, e que devemos abraçar a mudança, sob pena de vivermos amarrados ao saudosismo, que é um dos grandes males de Portugal.
Não quero com isto banalizar estes importantíssimos símbolos, ou seja, não acho que se devam mudar por tudo e por nada, a toda a hora.
Apenas digo que por vezes fica por demasiado obsoleto que é preciso face lifts ou mesmo algo diferente.
Basta ver que este hino, que se referia aos bretões, era muito baseado no "sabor" da época, e ficou com isso enfermo até à revisão, que não mudou quase nada.

Nesta óptica, e apesar de também me arrepiar sempre que oiço o hino, porque é o nosso e porque para o bem e para o mal me sinto 100% Português, e também apesar de provavelmente não me arrepiar da mesma forma com qualquer novo hino que fizessem, por muito bom que fosse, porque este é o "meu" hino, acho que DEVIA SER MUDADO.

Sim, não se deve renegar a nossa História, até porque não temos grandes motivos de vergonha (pelo menos não numa óptica comparativa), mas um Hino não pode ser só isso. Um Hino tem que ser mais.
Tem que capturar os grandes valores e princípios subjacentes à cultura de uma Nação, aqueles que são históricos e que queremos projectar para o futuro, e sobre os quais queremos construir a visão do destino que se pretende para a Nação.
No fundo, e com as devidas distâncias, à semelhança das missões das empresas, que olham muito para a frente e q.b. para trás, para não ficarem presas no status quo que as aniquila.

Aqui o grande truque é determinar 2 coisas:
1) Quando é que uma mudança é tão grande a ponto de justificar uma mudança do Hino
2) Que princípios e valores são esses, e mais difícil, que visão / rumo é o nosso

Posto isto, ponham de lado aqueles arrepios que também eu gosto muito de sentir quando oiço o Hino, e assumam que a mensagem que passa contribui para o perpetuar do nosso saudosismo e fala de princípios que nunca foram a nossa verdadeira natureza (nunca fomos um povo de guerra, lutámos em auto-defesa e apenas o fizemos em ataque durante uma brevíssima parte da nossa história, já no sec XX, mas quem ler o Hino há-de pensar o oposto!!!).
Se o fizerem, vêem que MUDAR É IMPERIOSO, E O HINO É UM BOM COMEÇO.


De Selvagem Anónimo a 25 de Julho de 2006 às 15:24
VELHOS DO RESTELO????????
HEM!!!!!


De steven a 25 de Julho de 2006 às 01:00
Já agora ó jmn ou la o que é,qual é a letra dos Espanois????Não têm!É o unico do hino que é so instrumental....acho que vao muda-lo....lolllUm hino do falecido Zeca Afonso seria giro,hamm?!loolll....ou então do Cid..


De Marco Neves a 24 de Julho de 2006 às 23:07
Mudar porque não se adequa com a realidade do Pais? Ora.. por muito descabida que fosse a letra do hino, sinceramente, acho o motivo mais ainda.

Bom, sempre gostava de ver umas quantas sugestões para um hino novo. Assim qualquer coisinha que fique no ouvido, com direito a 2 refrões, de métrica fácil e mais qualquer coisinha. Um excelente Hit para este Verão, olha que génios!

Já agora, porque não mudarmos a bandeira... é que, francamente, são tempos que já nem lembram à outra senhora!!!!

Assim uma bandeirinha com cores agradáveis, com um logo todo catita e super cool, hã?

Com jeitinho, ainda mudamos o nome do país.


De PatanisKa a 24 de Julho de 2006 às 19:52
Não muda nada o hino!!! Até os putos o aprendem na escola!!! O meu filho tem 14 anos e sabe o hino de Portugal!!!
E para mim a Ponte 25 de Abril, foi e continua a ser a Ponte sobre o Tejo!!! Que é q o 25 de Abril fez à ponte?? Só aumentar as portagens!!! (tou de mau feitio q hoje é 2ª feira e ainda tou a bulir!!!)


De Morgaine a 24 de Julho de 2006 às 18:49
Melhor não mudar nada. Nunca se sabe se os canhões não vão dar jeito um dia se os espanhois nos invadirem...


De JMN a 24 de Julho de 2006 às 16:16
Quer agradecer á Cereza antes de tudo, pelo facto de me ter avisado que tinha postado este assunto e a nossa "discussão".A pesar de discordarmos em ideais, e outras tantas coisas, tenho-a como uma pessoa extremamente correcta, como o foi neste caso.

Como disse á cerejinha, o hino nacional já nada tem a ver com a nossa actualidade. Foi escrito na altura em que Portugal vivia um contexto politico totalmente diferente do actual.Basta ler a "história" do hino.. A letra é pura e simplesmente ridicula. "contra os canhões marchar" São frases como estas que derramaram sangue de milhares de portugues nas nossas ex colonias. Esta letra fascizante envergonha os portugueses do sec. XXI . Há maior exemplo de patriotismo bacoco de direita? o hino devia identificar-se com o povo, e não ao contrário. Quem se identifica nesta letra? Ainda por cima a sua complexidade é de tal maneira agonizante, que são raros os portugueses que a conseguem cantar. Sabem para que serve este hino, para guerras (????) e para jogos de futebol. Aí sim, todos cantam, mas cada á sua maneira.


De JMN a 24 de Julho de 2006 às 16:23
Só quero acrescentar mais uma coisa. Cereza, mais fascista que A PORTUGUESA, só esta musica dos herois do mar. Uma banda que sempre quis chocar pelos trajes, encenações com bandeiras, e músicas reacçionárias. Já sei que discordas, e que me vais desancar forte e feio!

Uma boa tarde para todos!


De marta a 24 de Julho de 2006 às 16:49
Okay!!! Não marchemos então contra os canhões...
Abramos os braços aos nossos hermanos,ou a outros que tais, que eles estão desertinhos...
Venham eles, quantos são!!
(estou a brincar JMN )


De cereza a 24 de Julho de 2006 às 19:17
Ora nem mais marta!


De mukd5nncereza a 24 de Julho de 2006 às 19:35
JMN de facto já nem sequer vou discutir mais este assunto, que apenas o acho "ridiculo", e sabes bem a minha opinião. Mas cabe lá na cabeça de alguém mudar o hino de um país, só pq não está adequado á realidade desse mm país? Mas isto tem cabimento onde?

O hino nacional faz parte da nossa história quer se goste ao não. Quer dizer, muda o regime, ou até mandatos, e pimba, toca a mudar o hino. Era lindo.

Além disso, tanto quanto sei a poesia é subjectiva... o hino é também simbolico. Sim, foi escrito numa tentativa de fazer cair a monarquia... e? Cada um sente as palavras como quer. Pessoalmente aquela letra arrepia-me, e gosto, gosto muito...

Mas podemos sempre pedir ao Sérgio Godinho para fazer uma nova letra... ou melhor, em vez de cantar a PORTUGUESA, cantamos a SOCIALISTA. Que tal?

Qualquer hino serve para congregar um povo á volta da pátria, e a Portuguesa não foge ao caso... Achas que por acaso os franceses pensam em mudar a Marselhesa??? vai ler a letra e compara!

Bem, quem não tem orgulho no hino, não tem orgulho em ser portugues. Nunca devemos tentar limpar parte da nossa história, seja pq motivo fôr!

Mas isto sou eu, que me exalto quando falam mal de Portugal, ou a qualquer coisa relaccionado com o nosso país.


De cereza a 24 de Julho de 2006 às 19:36
o meu nick ficou mal, aí acima LOL Já me tou a baralhar toda, o que não é bom sinal loll


De majoca/saloia a 24 de Julho de 2006 às 14:03
Nada de mudar... sempre gostei do nosso hino e de certeza mexe com todos...

Mas posso mudar a minha mioleira??? este sol está a dar cabo dela ( desculpem o desabafo)
Beijos por aí. ( e agora vou estar meia hora a acertar com a copia dos caracteres grrrrr)


Ah... Comenta-me