Terça-feira, 2 de Agosto de 2005

Wicked games: A saga continua

Ora hoje vamos ter as VERDADEIRAS histórias do video WICKED GAMES! Uma saga que parece nunca mais acabar! O Luisv vestiu a pele de Chris Isaak, e a marta a pele da Helena Christensen.
Qual deles falará a verdade?


Já agora deixo mais um desafio, quem quer fazer de Shakira e quem quer fazer de Alejandro Sanz, e escrever o que passou realmente naquele video? Fico á espera de voluntários... tem é de ser rápido!


wg31 copy.jpg


ELA: Porque parti....


O Guilherme já tinha chegado...aliás como sempre , durante anos conseguia ser sempre o primeiro a chegar.

- Pronto para trabalhar?
Olhou para mim e sorriu...

Não sei porquê, nesse dia reparei na forma como me olhava...dei-me conta que sempre o tinha feito daquela maneira. Senti um arrepio...comecei a observá-lo. Cada vez que o flash disparava, eu tremia...Apeteceu-me fugir dali. Não me era permitido sentir-me assim.
Acabámos o trabalho.

- Logo já tenho as provas feitas, se as escolheres hoje, o catálogo estará pronto para a semana.
- ok, logo passo lá, liga-me quando acabares.
Despedimo-nos, deu três passos, virou-se para trás e:
- Não fujas do que sentes, disse-me.
Fiquei sem pinga de sangue...
- És um presente envenenado, respondi.
E partiu.

Aquilo não me podia estar a acontecer, o maior dos meus amigos, aquele com quem eu podia pensar alto, não o podia estar desejar daquela maneira. O medo apoderou-se de mim...não o queria perder, não o queria magoar, queria-o inteiro e a meu lado, como sempre tinha sido.

Era tarde, ele tinha sentido que eu tinha despertado, tinha-se apercebido do desejo em mim. Durante dois dias, o silêncio foi imperativo...ele sabia como me tocar... Das fotos não sabia nada, o trabalho estava pendente, e eu tinha que o enfrentar. Entrei pelo atelier, de rajada, decidida, com a esperança de ser desiludia...

- Amas-me ??perguntei-lhe.
- Não! respondeu.
- Sabes que sou incapaz de amar alguém, tenho-te um enorme respeito, admiro-te imenso....mas não é amor.
-A única pessoa que amo nesta vida é o meu filho.
Os homens não amam, está na sua essência...
- Eu sei disso, respondi.

Meu Deus, como ele me conhecia...podia ter-me perdido naquele momento, foi sincero e inteligente....ganhou-me, eu sabia com o que podia contar. Ambos sabíamos que tudo tinha um fim... Fiquei com a certeza, de que me deixaria partir, quando chegasse a hora.
Fiquei com a certeza de que era homem para aceitar um basta.

Há homens que "amam", outros que sabem amar. Foram dois anos de um amor e desejo, companheirismo, entreajuda que eu sei que nunca mais vamos esquecer. Entendi, que não queria chegar á fase dos planos, do futuro, do desgaste. Enquanto foi possível vivermos livres, amando, fizemo-lo. Era inevitável...eu tinha que partir. Queria ficar com a recordação, do amor puro, do maior dos meus amores, daquele que nunca foi meu, daquele a quem nunca pertenci, porque apenas nos entregámos.

Não quero esquecer. Não quero. NÃO QUERO!!


Com um beijo para todos vós.
marta


chris_wickedgame copy.jpg

Para ver o video wicked game


ELE: Wicked Games Again ou a verdadeira história por trás do video.

Este texto é pura ficção, alguma semelhança com algo será apenas produto da vossa perversa imaginação.



Andava eu na net numa boa a passear e a conviver com quem por lá andava, dando os ultimos retoques na minha ultima criação musical de seu nome Wicked Games,quando uma morena belissima de nome Helena (o meu fraco são realmente as morenas mas têm que ser belas.....) timidamente começou a teclar comigo, e algumas horas depois,já havia um cyber-amor que nem sei bem explicar, mas isso não interessa muito...


Amante do Surf (e das ditas morenas) combinei um encontro numa praia que sabia de antemão estar quase deserta... era conveniente que assim fosse. Depois de deixar a minha prancha de surf na revisão, pus-me a caminho (da dita praia) cheio de espectativas e de desejos perversos...


Quando lá cheguei a primeira coisa que vi foi um grupo de pessoas, ao longe, a enfiar palhinhas no nariz, estavam contentes, riam muito, depois outro grupo nas dunas praticava SM (vi mascaras e ouvi o silvo caracteristico dos chicotes), por fim avistei-a a rodopiar o top por cima da cabeça, tipo ventoinha, parecia dançar, fui ao seu encontro lançando-lhe o olhar perverso numero 27, e comecei a ler-lhe os versos ainda frescos que tinha escrito, pausadamente, perversamente, e não sei se por causa dos ditos versos ou do calor, ela derreteu-se toda... estava pronta prá 2ª fase, a dos desejos perversos...


Fui direito a ela, apertei-a contra mim, deixando a vista pairar livremente pelo
horizonte (foi quando vi um saco branco de plastico a esvoaçar ao longe com publicidade a uma grande superficie comercial), procurei a maçã e o xicolate pra avançar pró pecado mas não os vi......paciência, avancei na mesma, perguntei-lhe se queria fazer parte do videoclip, que seria bom pró seu curriculum, embora não fosse ganhar prémio nenhum (o prémio seria meu, o interprete mais sexy do ano de 1991) ao que ela respondeu com um sussuro e com um levissimo aceno de cabeça...


Aproveitando o estarmos tão juntinhos ela quis beijar-me, eu, fartinho de xôxos ameacei que sim mas dei-lhe a minha bochecha esquerda onde ela se deliciou... nisto toca o telemóvel e uma voz disse-me: pode vir buscar a prancha a revisão está feita. Desliguei e perversamente afastei-me, caminhando pela areia na direção do parque de estacionamento, sem nunca olhar pra trás...


Chris Isaac
PS: Depois do videoclip ela vingou-se.....(tava feita com o realizador)



LuisV



Impressão Digital Cereza às 20:27
link do post | Rugir | Adicionar aos Favoritos
|
33 comentários:
De Selvagem Anónimo a 3 de Agosto de 2005 às 00:30
Ai... esse video... essa música... ui ui !!! Quantos jovenzinhos não ficaram satisfeitos ao ver a Helena Christensen toda desnudada no filme? hum? Quantos? O Chris Isaak também é uma bela duma peça! A música é lindissima e os textos estão muito bonitos. Gostei da versão mais realista da Marta mas, e quero realçar isto, "lançando-lhe o olhar perverso numero 27" O_O LuisV LOL :X Estão muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito munitos !!! :D BjokasBárbara (Narag)
(http://naragturg.blogspot.com/)
(mailto:barbara10sofia@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 3 de Agosto de 2005 às 00:32
Ergh... correcção... Quantos jovenzinhos não ficaram satisfeitos ao ver a Helena Christensen toda desnudada no VIDEO? e não filme. Mil perdões :P BjokasBárbara (Narag)
(http://naragturg.blogspot.com/)
(mailto:barbara10sofia@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 3 de Agosto de 2005 às 01:03
gostei bastante do texto da Marta - parabéns :) e o texto do LuisV divertiu-me imenso.
O video é excelente e a música uma das minhas favoritas.
beijinhos :*******alexandra
</a>
(mailto:alexandrantunes20@gmail.com)


De Selvagem Anónimo a 3 de Agosto de 2005 às 09:37
A marta num registo mais real, o LuisV noutro assim pró alucinado... estão muito bons! Gostei particularmente de ver o saco de plástico branco a esvoaçar ao longe com publicidade a uma grande superfície comercial... momento verdadeiramente poético!!! LOL Além disso é um óptimo pretexto para patrocínio deste momento. Não entendo é como é que alguém se põe a rir desalmadamente ao ver os outros com palhinhas no nariz... tristes figuras!... e é assim mesmo LuisV! deixá-las cruelmente sem nunca olhar para trás... é d'Homem! Agora aquele banana do Chris armado ó coitadinho... EEEH... LLLOOOLLLflyman
</a>
(mailto:flyman_pegasus@msn.com)


De Selvagem Anónimo a 3 de Agosto de 2005 às 09:39
"Os homens não amam, está na sua essência" .|. nem de proósito, o luisv contraria essa tese, amando com todas as partículas da sua alma o seu surf, pena é haver sempre "realizadores" abutres prontos para aparar esses golpes :)P. Marta, gostei das 1001 mensagens subliminares que julgava não conseguir serem condensadas num texto desse tamanho :). WG
</a>
(mailto:a@a.com)


De Selvagem Anónimo a 3 de Agosto de 2005 às 10:02
Eu já comento... entretanto, vou-me deliciando com o video... tenho de aproveitar, antes que a patroa o retire outra vez... Weeeeeeeeeeee ... Looooooool Agora mais a sério, os textos estão muito bons... E agora vou trabalhar... pois, tem de ser... uns estão de férias, mas ainda há aqueles que trabalham... Tem de ser... Criador_Sonhos
(http://criadorsonhos.blogspot.com)
(mailto:miguel24lx@sapo.pt)


De Selvagem Anónimo a 3 de Agosto de 2005 às 10:14
MARTA, AMIGA, ESCREVESTE ALGO QUE PODERIA MUITO BEM TER SIDO ESCRITO POR MIM, NOMEADAMENTE "Meu Deus, como ele me conhecia...podia ter-me perdido naquele momento, foi sincero e inteligente....ganhou-me, eu sabia com o que podia contar. Ambos sabíamos que tudo tinha um fim... FARIA, AQUI, UMA PEQUENA ALTERAÇÃO, NOMEADAMENTE "Ficou com a certeza, de que o deixaria partir, quando chegasse a hora". A hora de partir chega sempre, até porque partir está na essência dos homens. É tudo uma questão de tempo! Pelo que enquanto o tempo é nosso, proceda-se à entrega de nós e amemos muito e bem! Deus meu, eu amo... oh como eu amo!
Starry-Night
</a>
(mailto:martiniquex@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 3 de Agosto de 2005 às 10:16
já temos uma shakira, precisamos de um alejandro!!!!!sinceramente acho que estão boas as duas versões, cada uma á sua maneira... para alem disso serviram de cobaias para este jogo!
flyman ainda me vais explicar essa do saco!!!!!!
cereza
(http://bbb.blogs.sapo.pt/)
(mailto:lis_tv@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 3 de Agosto de 2005 às 10:17
/me quer saber quantos foram os que viram o saco de plástico.Pronto,sei que uns estavam mais distraidos que outros..Mas acusem-se gaita!!:PP Luisv,giro o panhado que fizeste,gostei!!:)**marta
</a>
(mailto:martax_30@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 3 de Agosto de 2005 às 10:22
Sob as influências do olhar fulminante nº 69 (LOLLLL), li, com imenso gosto, a versão hilariante escrita pelo Luis. Não posso é deixar de lamentar o abandono de uma morena belíssima por meia dúzia de cambalhotas na crista duma onda qualquer. Mas sabem, a vingança serve-se fria, nem que seja com a ajuda de um realizadorzito qualquer! Starry-Night
</a>
(mailto:martiniquex@hotmail.com)


Ah... Comenta-me