73 comentários:
De Selvagem Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 00:33
Anasimplesmente os meus sinceros parabéns pela coragem demonstrada ao expores-te assim ainda mais com o intuito de ajudar quem está a passar pelo mesmo que tu e que pensa passar mas que por algum motivo tenha medo... força :)
Cereza mais uma x 1 excelente escolha para o blog... beijinhosIce_Princess
(http://)
(mailto:catarina.freire@netvisao.pt)


De Selvagem Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 04:07
Anocas, na verdade apetece-me chamar-te "minha querida Ana" mas lá corro eu o risco de mais uma vez me acusarem de lamechas. ;) Mas que se lixe, não sou lamechas sou é sensível e amiga do meu amigo e por vezes até do inimigo (mas isso agora não interessa nada). :) Fiquei muito sensibilizada, aliás, mais do que isso, fiquei foi muito emocionada com o teu relato. A tua história foi e está a ser para mim surpreendente. "Uma mulher de coragem" assenta-se muito bem e por todas as razões, inclusivé identificares-te, sendo o teu nick sobejamente conhecido pelo #30-50, muitos parabéns! Adoro pessoas que se assumem, sejam lá o que forem e façam lá o que façam! Isso é revelador de uma grande personalidade. Aínda para mais sendo este, o da obesidade um tema tão controverso, tão criticado, discutido, etc etc etc.. mas mtas vezes também tão mal falado e incompreendido. Eu sei que existem muitas pessoas por esse Portugal adentro (e não só) com problemas semelhantes ao teu, para elas o teu testemunho será uma mais valia. Toda a gente tem o desejo ou sonho de ser feliz e acho que tudo começa por gostarmos de nós próprias(os). Lá diz o ditado: " Se não gostarmos de nós quem gostará", desde que isso não seja levado a limites que também já foram transmitidos neste mesmo blog. Há que usar-se de bom senso em todas as nossas opções, esforçarmo-nos por permanecermos equilibrados a nivel psiquico, embora nem sempre seja fácil. Tu demonstras ter uma grande força interior e qual medrosa, qual carapuça.. medos, todos têm, embora a maioria não os assuma, mas isso não faz de nós mais ou menos medrosos, somos é humanos e o medo faz parte. Há é que assumi-los e enfrentá-los e isso ficou aqui provado que tu enfrentas os teus.:) Força minha linda! Continua assim. Persegue os teus sonhos e nunca deixes de sorrir, de dar uma boa gargalhada. Gordinha ou magrinha eu gosto muito de ti! Sê muito feliz! Um beijinho grande para ti, para a Cereza e para todos os outros que eu sei que te vão ler :)*************Monstra
</a>
(mailto:monstra@iol.pt)


De Selvagem Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 09:51
Acabei de ler o texto e parece que tinha levado uma martelada na cabeça...a sinceridade despojada com que apresentas o teu caso, sem anonimatos, é realmente de uma coragem do tamanho do mundo. Têm, como disse aliás num comentário ao post anterior, aparecido aqui excelentes textos no blog, mas este teu li-o, reli-o e voltei a lê-lo...nem sei o que escrever... não te vou dar força com intenções piedosas porque não é esse o meu feitio e tu, de certeza, não vais precisar disso.O que me apetecia mesmo era ser teu amigo.Louis_Phere
</a>
(mailto:jmcfilipe@oninet.pt)


De Selvagem Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 10:11
Hei!!Mulher coragosa!!Ana desejo-te tudo de bom.A vida continuará com altos e baixos como a de todos nós,mas agora creio que terás outra disposição para a enfrentar.Força miuda!!!!Um beijo pa ti.marta
</a>
(mailto:martax_30@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 10:24
Anasimplesmente, não há nada que chegue ao facto de nos podermos sentir bem connosco, mesmo que digam que isso não importa e que o interessa é sermos nós mesmos (o que não deixa de ser importante). Sabe tão bem, chegar a uma loja e encontrar uma peça de roupa que nós gostamos e podermos vesti-la. Parece ridículo, mas por vezes a nossa felicidade resume-se a pequenos nadas. Posso até dizer que quando nos sentimos bem, isso transparece para fora. A nossa autoestima faz milagres. Muita força nesta tua nova etapa. Eu posso escrever que sei que vais adorar cada momento. ********* ^Erina^
</a>
(mailto:paula_m_sousa@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 10:31
Eu peso muito mais do que tu alguma vez pesaste e digo-te estou cansado de ter que pensar em agradar a uma sociedade destas.
Não gosto das pessoas. Podia fazer a operaçao e na altura falamos disso mas nao quero. Não é por falta de coragem porque já fiz coisas piores simplesmente nao. As pessoas que guardem todos os seus ideais e todas as formas do olhar. Descartei-me da sociedade e sabes que mais? Nada. Adeus.AntimAteriA
(http://www.ersgc.blogspot.com)
(mailto:gradiz@gradiz.com)


De Selvagem Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 10:45
Tragam mais anjos sociais, tragam mais!...AntimAteriA
(http://www.ersgc.blogspot.com)
(mailto:gradiz@gradiz.com)


De Selvagem Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 10:52
Antimatéria, a diferença entre ti e a anasimplesmente, é que ela faz algo por ela própria,e tu não... além de não fazeres, parece que te desagrada a ideia que os outros o façam. A isso chamo falta de auto estima! E tu sabes muito bem o que quero dizer.
Como eu já te disse várias vezes, em vez de te lamentares, e rogares "pragas" aos outros está na altura de fazeres pensares em ti!!!! A anasimplesmente é de facto uma mulher de coragem, disso não duvides... E como este momento é dela:
Ana, eu já te tinha dito, e volto a dizer que fico muito orgulhosa de ti, e de ter aqui este texto! Foste muito corajosa! Eu fico muito feliz quando posso ajudar alguém com este blog...Sei que vais ter muita gente a apoiar-te e a admirar-te ainda mais...e isso será uma grande força para ires em frente! Tal como diz a Erina, é tão bom ir a uma loja e poder comprar "aquela" peça de roupa que adoramos, e que não ousamos chegar perto dela, porque só fica bem em pessoas magras!
Eu desejo-te tudo de bom, e que em breve chegues a top model loll
jinhoscereza
</a>
(mailto:lis_tv@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 10:58
Oh anasimplesmente:)
Sentia que eras corajosa e prometo nunca mais brincar a dizer que sou obesa nos meus fantásticos 58 kg e meio. Parabéns pela tua coragem e desejo-te toda a felicidade do mundo e mais a dos arredores:)
Hoje por acaso engordei. Comi que nem uma bestinha ao almoço. Tenho seguramente mais 236gramas. Adoro comer! Felizmente a ruindade que tenho espalhada pelo corpo e mente, não me deixam engordar...Um beijinho para tu:)Emmanuelle
</a>
(mailto:longinkua@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 10:58
Anasimplesmente, eu soube q ias ser operada pq mo disseste mas nunca ao q era... Fico feliz por ter corrido bem, es uma pessoa excelente, gosto de brincar ctg, ja brincamos muito... Es uma pessoa sim com muita coragem, e ainda bem, e o teu testemunho é importante para outras pessoas com o mesmo "problema" apesar de não gostar de dizer problema, mas ñ so para esse caso, todos os testemunhos são importantes. Pois mostra as pessoas q todos os casos tem soluçao... Ana para ti um grande beijo e força.... JokasCriador_Sonhos
(http://criadorsonhos.blogspot.com)
(mailto:miguel24lx@sapo.pt)


Ah... Comenta-me