Quinta-feira, 10 de Fevereiro de 2005

O Triunfo dos Imbecis

Recebi da Cristilla este texto há já algum tempo... Um texto fantástico! Só tenho pena que a Cris há muito não passa aqui pelo blog para deixar os seus comentários sempre pertinentes!



einstein.rocky copy.jpg



Não nos deve surpreender que, a maior parte das vezes, os imbecis triunfem mais no mundo do que os grandes talentos. Enquanto estes têm por vezes de lutar contra si próprios e, como se isso não bastasse, contra todos os medíocres que detestam toda e qualquer forma de superioridade, o imbecil, onde quer que vá, encontra-se entre os seus pares, entre companheiros e irmãos e é, por espírito de corpo instintivo, ajudado e protegido. O estúpido só profere pensamentos vulgares de forma comum, pelo que é imediatamente entendido e aprovado por todos, ao passo que o génio tem o vício terrível de se contrapor às opiniões dominantes e querer subverter, juntamente com o pensamento, a vida da maioria dos outros.
Isto explica por que as obras escritas e realizadas pelos imbecis são tão abundante e solicitamente louvadas - os juízes são, quase na totalidade, do mesmo nível e dos mesmos gostos, pelo que aprovam com entusiasmo as ideias e paixões medíocres, expressas por alguém um pouco menos medíocre do que eles.



Este favor quase universal que acolhe os frutos da imbecilidade instruída e temerária aumenta a sua já copiosa felicidade. A obra do grande, ao invés, só pode ser entendida e admirada pelos seus pares, que são, em todas as gerações, muito poucos, e apenas com o tempo esses poucos conseguem impô-la à apreciação idiota e ovina da maioria. A maior vitória dos néscios consiste em obrigar, com certa frequência, os sábios a actuar e falar deles, quer para levar uma vida mais calma, quer para a salvar nos dias da epidemia aguda da loucura universal.



Giovanni Papini, in 'Relatório Sobre os Homens'


Cristilla



einstein copy.jpg




Tim Booth - Down to the sea:
...What you’re calling culture
Is just arcades and malls
I can’t hear myself think
I can’t hear my heart sink...



Impressão Digital Cereza às 23:19
link do post | Rugir | Adicionar aos Favoritos
|
18 comentários:
De Selvagem Anónimo a 11 de Fevereiro de 2005 às 00:23
Não há duvida nenhuma acerca disso! Mas mesmo entre a sociedade encontram-se aqueles que persistem em ascender a discussões mais inteligentes e são engolidos pela imbecilidade da monotonia imposta por outros. E não se impõe sobre os imbecis para não parecer estúpido, tornando-se portanto estúpido e imbecil por seguir este raciocínio. Assim não há desenvolvimento, ou se há, é vagarosamente progressivo!Suicidal_kota
</a>
(mailto:cromokamikaze@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 11 de Fevereiro de 2005 às 10:10
Não tem nada a ver, mas aqui fica, li em tempos uma noticia em que varios cientistas tinham chegado a conclusão que Shakespeare apenas tinha sucesso e akela "inspiração" toda devido ao "Haxixe" que consumia... Será que temos ai espalhados pelo mundo milhões de pequenos "shakespeare's" e não sabem disso ? "Jovem se não és bem sucessido na vida e queres triunfar, fuma haxixe" , isto qualquer dia é usado pelos "dealer's" para incentivar os jovens ao sucesso... Looooooool
Não tem nada a ver mas apeteceu-me escrever... Jokas e abraçosCriador_Sonhos
(http://apenasmaisumblog.blogs.sapo.pt)
(mailto:miguel24lx@sapo.pt)


De Selvagem Anónimo a 11 de Fevereiro de 2005 às 10:17
Conhecia o texto. Mas que dizer? Habituei-me a encarar o génio de frente, com ar de mocho: olho com muita atenção, olhos muito abertos, mas não digo nada! - Delirantemente me entrego a uma fantasia, frequentemente. Consiste em que, perante a Divina Providência, numa fila de distribuição de talentos, com fervor eu peço, quando perguntado acerca do que quero receber para me considerar feliz, inteligência. Inteligência para perceber, para actuar, para me permitir continuar vivendo num mundo sem legendas que, até hoje, nunca me permitiu entender verdadeiramente todas as coisas...Entretanto, imbecilmente, resta-me abrir a boca de espanto, com um olhar fixo, olhos muito abertos, mas sem dizer nada, perante a genialidade de muito poucos.Maslow
</a>
(mailto:manuel_azevedo@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 11 de Fevereiro de 2005 às 10:19
E eu pergunto:então o ´´quorum`` onde fica no meio de tudo isto??!!!:)P Um beijooooooooooo pa ti Cristilla.marta
</a>
(mailto:martax_30@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 11 de Fevereiro de 2005 às 10:25
Ao ler o Cartaz do Expresso desta semana, ontem até por coincidência, chamou-me a atenção de uma publicação nova da editora Gradiva, intitulada As Lições dos Mestres, da autoria de George Steiner, um escritor e crítico norte-americano, mas de origem europeia e que retrata as relações entre o verdadeiro mestre e o seu aprendiz.Acho logo interessante a frase que vem na capa e que me parece definir um verdadeiro Mestre : "Despertar noutro ser humano poderes e sonhos além dos seus;induzir nos outros um amor por aquilo que amamos; fazer do seu presente interior o seu futuro : eis uma tripla aventura como nenhuma outra." Ainda nesse Cartaz do Expresso vêm uns artigos bem interessantes sobre Auschwitz. Voltando a Steiner, é ele próprio de origem judaica :"Nasci em 1929 numa casa preenchida de livros e música : a tradição judaica da europa central. A minha mãe começa uma frase numa língua e termina-a em várias outras sem o notar, portanto fui completamente trilíngue desde a nascença. O meu pai começa a ler Homero comigo antes de eu ir para a escola, começa a ensinar-me os clássicos sobre a crescente e terrível sombra de hitler." Esta entrevista ao Paris Review prova à saciedade o que diz o post acerca da sombra dos imbecis a pairar sobre os génios. Só que neste caso,não muito frequente, o imbecil está bem morto mas o génio está vivo e recomenda-se.Louis_Phere
</a>
(mailto:jmcfilipe@oninet.pt)


De Selvagem Anónimo a 11 de Fevereiro de 2005 às 10:39
Precisava de viver num mundo legendado, em que todas as respostas surgissem imediatamente, sem que eu tivesse que pensar para poder actuar. Maslow
</a>
(mailto:manuel_azevedo@hotmail.com)


De Selvagem Anónimo a 11 de Fevereiro de 2005 às 10:58
O que acontece é k o Criador esqueceu-se de levantar as patas dianteiras a muito gente e o resultado é esse...uma chusma de imbecis!lolololll

Beijufas pa ti Cristilla Tex
</a>
(mailto:texazinha@iol.pt)


De Selvagem Anónimo a 11 de Fevereiro de 2005 às 13:16
Os génios são impossíveis de aturar para as outras pessoas. Um génio não é sempre alguém incrivelmente inteligente. A inteligência é relativa. Um génio é alguém que tem um ponto de vista que se distancia dos outros todos. É por isso que ao distanciar-se, bastante, é mal acolhido num habitat onde, forçosamente, os ideais tem que perdurar o máximo possível para se estabelecer estabilidade. Os génios sofrem a sua diferença e vivem obrigatoriamente noutro mundo, que eles tem que construir para se resguardarem das espadas frágeis que ousam atacá-los e saem vitoriosas. Os génios estão atentos aos pormenores, reparam no que os outros nem dão atenção e por isso, conseguem ver o que sempre esteve lá, mas que os outros se esforçaram por não ver inconscientemente. Os génios inventam sistemas, teorias, coisas para provarem a sua existência e a sua diferença, porque até eles mostrarem qualquer coisa de concreta, são apenas vistos como malucos frustrados e falhados! A maior parte deles morrem com desgosto de viver num mundo que não os aceita…AntimAteriA
(http://www.ersgc.blogspot.com)
(mailto:gradiz@gradiz.com)


De Selvagem Anónimo a 11 de Fevereiro de 2005 às 13:44
É por isso que gosto do IRC, sinto-me no meio de mentes brilhantes como a minha loolllllllllll Um grande, enorme beijo para a minha mais que tudo, Cristilla ********WG
</a>
(mailto:a@a.com)


De Selvagem Anónimo a 11 de Fevereiro de 2005 às 13:51
Nos últimos dias tem ficado notòria a grande admiração do Eng. Socrates pela capacidade dr Pedro Santana Lopes e por demais militantes do Partido Social democrata.

O Dr Pedro Santana Lopes no debate frente a frente na Rtp1 teve o mérito de mostrar ao eng Socrates a inconsistencia de todas as propostas que faziam parte do então programa do PS.

A verdade é que o Eng. Socrates ficou tão convencido e desiludido com o programa que havia proposto que determinou imediata remoção dos cartazes que prometiam 150 mil empregos.

Socrates mudou de discúrso , pois em vez de prometer aumentos para os reformados , passou a prometer aumento da idade de reforma.

A campanha eleitoral tambem mudou logo de rumo pois em vez de discussão de propostas , o eng. Socrates com grande habilidade tem vindo a dispersar as atenções por forma a que nímguem peça ao PS Propostas concretas e aos restantes partidos a inviabilidade de revelarem tambem as suas.

Começou por fazer-se passar por homosexual, o que dúvido que ele seja , mas dispersou as atenções para a vida privada .

Quando a Igreja Católica recomendou a abstenção nos partidos ou coligações que defendam a união de facto entre homosexuais , para dispersar mais uma vez as atenções lança convite através de jornal ao Prof. Anibal Cavaco Silva.

Este convite era já certo e sabido da imediata recusa, só que a campanha lá vai andando e nimguem mais prestou atenção as recomendações da igreja.

Agora abre e fecha os comícios a dizer que a campanha vai bem e que a fazer campanha é o melhor.
Os portugueses e a imprensa internacional questionam e muito bem do que pensa o Eng. Socrates fazer dia 21 de Fevereiro.

Nimguem sabe, nem mesmo ele.

Segundo as ultimas sondagens conhecidas e a acreditar nelas , o PS é obrigado a fazer coligação com o Bloco De Esquerda e com o Partido Comunista, ficando assim formada a coligação indesejada pela igreja e pela maioria dos economistas internacionais.

Quem tiver hipotesse passe uma vista de olhos sobre a imprensa internacional a respeito da citada coligação.

Quanto ao Partido Social Democrata , que com a disponibilidade limitada por parte do sr 1º ministro , devido aos seus compromissos ainda com o actual governo , tem sido dificil apresentar o programa eleitoral que desde já convido a visitar em:
http://www.psd.pt/


Deste saliento os seguintes pontos:
A- Financiamento das propinas na totalidade ate o aluno ter emprego.
B- Atribuição de subsidio de 36 mensalidades a empresas que venham a admitir jovens licenciados.
C-Possibilidade de apresentação de declaração de IRS em separado a casais , por forma a pouparem imenso nos impostos.
atento
</a>
(mailto:amadoran@clix.pt)


Ah... Comenta-me