Terça-feira, 22 de Agosto de 2006

O meu cabeleireiro, tem umas mamas melhores que as minhas...

Ai, quando cheguei aqui o Urban parecia uma daquelas cidades abandonadas, sabem como é? Post de aniversário ultrapassado, nada de músca... ui, até fiquei arrepiada.

As férias correram bem, mas a vontade de postar também é pouca. Sorry!

Deixo aqui um texto fantastico da Woman.

 

      

Para os Homens que não sabem, um cabeleireiro faz as delícias de qualquer Mulher. Não há nada melhor que um Homem nessa bela profissão. Homem, mas gay, eu passo a explicar.
Um Homem que nos entende, que padece da mesma sensibilidade que nós e que para além disso sabe como pôr-nos bonitas é um oásis no deserto. E isso só se consegue, arranjando um cabeleireiro.

 

O meu é uma delícia, sabe cuidar de mim, entende as nossas amarguras partilhando das nossas conversas sobre o sexo "mais que fraco" e ainda nos dá umas belas dicas de como entreter o nosso "mais que tudo". Por isto tudo, é tão bom ir ao cabeleireiro. Meninas, se ainda não têm um gay a tratar-vos da cabeça, não percam tempo.

 


Mas tudo corria bem, até o meu Carlinhos se aventurar no Mundo do Mulherio a valer. Não é que o Carlinhos agora é Carlinha??! Tudo bem nada contra mesmo, aliás, se ele estiver feliz melhor para nós. Mas já não bastava esta fase da minha vida em que tudo anda do avesso, agora tenho de levar com o Carlinhos (Carlinha) com uma mamas fantásticas. Não é justo, bolas... Andamos nós a privarmo-nos do chocolate para manter este corpo, a matarmo-nos no ginásio para termos um peito lindo e usarmos qualquer decote mesmo sem soutien, e de repente aparece uma Carlinha na nossa vida com umas mamas fabulosas em dois meses. Não há quem ature. A verdade é que continua a perceber os mistérios masculinos melhor que ninguém e isso, é de grande ajuda.

 

Claro que continua a ser fantástico quando resolve fazer de nós Mulheres irresistíveis, mas com aquelas mamas... Não deixo que nada me deprima em demasia, não faz parte de mim, mas aquelas mamas estão a deixar-me os nervos em franja. Ele (ela) continua a dizer que as minhas são fantásticas, mas sinto um odor de caridade no ar quando se fala no assunto...


Não vivo sem o meu Carlinhos, mas até me habituar às novas mamas que vão cuidar de mim, preciso de tempo...

 

Woman in http://voosdeumanjonegro.blogspot.com/


Impressão Digital Cereza às 12:56
link do post | Rugir | Adicionar aos Favoritos
32 comentários:
De lua_de_Avalon a 23 de Agosto de 2006 às 21:11
WG: já agora fazendo minhas as palavras da Pataniska, gostaria que indicasses as frases ou palavras que o Abel sugere ou afirma o "bota abaixo das mulheres".
O que me parece é perfeitamente o contrário. No fundo, elogia as mulheres e apoia os indivíduos que nasceram homens (com comportamento de mulher) tenham a possibilidade (com todo o direito) de serem também mulher. Sempre tenho ouvido o Abel dizer que nós não somos melhores nem piores, somos diferentes! Estas diferenças têm aspectos positivos e negativos, quer da parte dos homens quer da parte das mulheres.


De WG a 24 de Agosto de 2006 às 11:14
Conhecendo o abel, daquilo que tem escrito aqui, bem sei que todas as frases que podem ser entendidas de 2 formas, foram bem intencionadas e em nenhum caso se estarão escritas no sentido de malhar nas mulheres.
Ainda assim, aqueles menos atentos e/ou que conheçam menos bem a personalidade com que o Abel tem vindo a perfumar o blog, e que quisessem interpretar este texto como um delicioso exercício de ironia, tinham bom material por onde pegar.
Dado o pedido de justificação ser duplo, passo a citar os exemplos mais evidentes, mas não sem antes realçar que o objectivo do meu comentário anterior era meramente picar (no qual considero que, face à reacção, com a qual muito me diverti, fui bem sucedido).
Quem me conheça e/ou esteja minimamente atento aos meus textos no blog, bem como à minha capacidade de interpretação das ideias dos outros e de argumentar contra elas ainda que meramente por desporto e não por convicção, e ainda ao agrado que já várias vezes expressei publicamente pelos textos do abel, sabia ver desde logo que era gozação e picardia.
Ainda assim, para os que me conhecem menos bem e/ou estavam (momentaneamente, como é óbvio) mais distraídos, cá vai então:

"... nascido com cérebro de mulher... teve a infelicidade de durante as suas primeiras semanas de gestação não ter sido banhado pelos fluidos próprios no momento em que se definiu o sexo. Para ele é muito importante a relação, a ternura, a sensibilidade, o carinho e, por isso, o tempo de um dia pode não ser suficiente para distribuir o número de palavras que tem para oferecer."
Deste trecho, poder-se-ia perfeitamente retirar as mais diversas interpretações, cada uma mais interessante do que a outra. Deste parágrafo fértil, retiro as mais óbvias possibilidades:
(1) Nascer com cérebro de mulher, sendo homem ou mulher, é uma infelicidade.
(2) As mulheres são autênticos papagaios hiper-sensíveis e sempre na procura de uma "melosidade" que até enjoa até os homens com menos testosterona (e que falta ela faz a qualquer um!).

"Não se critica a anomalia (eu podia ser um deles) nem a pretensão porque também eu gosto de ver proeminências esculturais. "
As mulheres são um naco de carne, nomeadamente aquela porção de carne e osso à volta das mamas. Isto um pouco à semelhança da anedota, com a qual alguns de vocês reconhecerão o paralelismo, só essa anedota se refere a outra coisa que não as mamas.

"O mais curioso é que cheguei a saber, como era um salão misto, que o mocinho, embora ainda sem mamas, se recusava a fazer esse trabalho aos homens. Fiquei então a pensar se não seria para evitar excitações, dado que as mulheres não os excitam"
Mais cacetada LOL. Existem gays porque as mulheres não excitam os homens. Já nem para isso servem, o raça das melheris! Onde é que vai parar este mundo?! :)P


De encantos_e_paixões a 24 de Agosto de 2006 às 12:19
A eterna procura de termos de comparação E INTERPRETAÇÃO.
Porque será que achamos e raciocinamos arreigados na comparação de opostos?? será que temos de continuar a pensar (alguns de nós claro :-)) que só podemos apreender através de comparações???, mas que ansiedade é esta, RAIOS, já tamos no pós modernismo Homessa.
Ai, ai, - suspiro - os homens tÊM jeito pÁ Matemática e as mulheres pÁs LINGUAS.

Se o meu xefe soubesse que não tou a trabalhar, batia-meeeee...LOL


De lua_de_Avalon a 24 de Agosto de 2006 às 17:28
WG: esclarecidissima LOLOLOLO
Agora um grande aplauso para ti
Clap, clap, clap, clap
jocas


De PatanisKa a 24 de Agosto de 2006 às 14:49
Luinha é isso mesmo!!! ;)))


Ah... Comenta-me

av_fever01.gif

.Urbanidades Recentes

. Aberto: Rui Pedro e Anoré...

. FIM

. Porque eu? porque isto? p...

. Mulher

. Hannibal - Rising

. ...

. Voltaste meu amor...

. Falling

. ...

. Uma brincadeira...

. SuGeStÕeS:

. Pedofilia ou Amor

. coragem!

. Feliz Natal

. Ainda Tango...

. Destaque no sapo: poema d...

. Sonho § Realidade

. Do Flyman

. (...)

. Parabens Lua

av_jml12.gif myarms-yourhearse.gif

.Selvas já Visitadas

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

10MM.gif

.Procura no UJ

 

.Posts Favoritos

. Falling

. Destak

. UJ no DN

. Putas, Prostitutas (os) e...

. Casos Reais: Putas, Prost...

. Maria Madalena: Prostitut...

. "Schindler português"?

. Dedicado ao meu Pai!

. Caso de Vida

. Os BrancosNegros ou Negro...