Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Urban Jungle

pensamentos, divagações e tangas da selva urbana

pensamentos, divagações e tangas da selva urbana

Urban Jungle

25
Out06

Every woman has an itch

Cereza

Agora algo totalmente diferente, da AnaMar.

"...He said, "It's been fine so far but after a while I want more than a soft style.
I want some slashes to go with those long eyelashes."
And so the bedroom became the black room but a year later he wanted something more, something I wasn't quite prepared for.

He said, "Every woman has an itch and every nice girl secretly wants to switch."
I like how the skins look on your white hands.
I'd like you to deliver one of my demands."
He said, "Every woman has an itch and every nice girl wants to switch."
He led me in and lit the room with a hundred candles and said "God never gives you more than you can handle."
I sat astride his chest, "It's just a thrill," he said, as he relaxed on the dark, dark bed,
"it's just breath control."

(...)

He whispered "Hold me here" and I did and his head fell back.
He whispered "Press harder" and I did and his eyes rolled back.

"it's just breath control."

 

 

O temporal inundou a noite, como uma violenta fisgada. Apenas os relâmpagos serviam de luz.
Holofotes do pecado.
Em palco os nossos corpos balançavam e choravam entre a navalha e uma pluma negra.

Na cama empoleirados,
encenamos e contracenamos,
declamamos indecências,infâmias...
pelos lábios,
pelas línguas
saliva
sexos...

No meu corpo de pecadora, derramaste a insanidade do teu prazer, alimentando-me de luxúria
de seiva, de mel, e de delinquentes desejos__________________

Os teus olhos meu amor... Ah, os teus olhos nos meus...
Torturavam-me a alma
o coração
os seios,
o ventre
o meu instinto mais primário de fêmea-mulher_______________

Dois corpos famintos,
escandalosos
voluptuosos
aflitos
perdidos
e em êxtase___________________

Incendiamos a cama, rasgamos lençóis, partimos copos, sussurrámos gemidos e gritamos segredos madrugada fora, sem horas para chegar nem partir.

No meu corpo feito de incalculáveis labirintos
perdeste-te
e encontraste-me
fazendo de mim tua prisioneira
viciada...viciada em ti_______________________

AnaMar

 

23 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2006
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2005
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2004
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D