De Selvagem Anónimo a 27 de Outubro de 2006 às 17:19
Poema muito sensual e que exprime lindamente os sentimentos paradoxais que experimentamos em situações como a que se espelha no poema....
Agradável também a música de fundo! !!!!
Parabens Cerezita


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.