23 comentários:
De Selvagem Anónimo a 27 de Outubro de 2006 às 17:19
Poema muito sensual e que exprime lindamente os sentimentos paradoxais que experimentamos em situações como a que se espelha no poema....
Agradável também a música de fundo! !!!!
Parabens Cerezita


De Cereza a 28 de Outubro de 2006 às 03:26
e quem é o selvagem anonimo? :)


Ah... Comenta-me