Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Urban Jungle

pensamentos, divagações e tangas da selva urbana

pensamentos, divagações e tangas da selva urbana

Urban Jungle

13
Dez04

Encontros (des)Virtuais

Cereza

Acho que todos nós passamos por um "encontro virtual" como a Badbadlolita nos conta! O irc proporciona sensações muito fortes apenas através de simples palavras! Tudo se torna um vicío... ás vezes parece uma viagem sem retorno. Mas há solução, como diz o velho ditado popular, longe da vista longe do coração...ou seja, longe do nick, longe do coração.

width=100%>align=center>

r22r.jpgespalda3.jpg


ENCONTRO VIRTUAL


Durante as minhas deambulações pela net, tive oportunidade de fazer amigos, de conhecer gente doente ou muito doente, de conhecer o esplendido animal que é o net-engatatão-declarado, e o net-bom-rapaz-da-porta-ao-lado. Este ultimo obviamente, com o passar do tempo, revela-se um net-gostaria-de-ser- engatatão…


Quem frequenta os chat rooms sabe bem o risco que corre... O que era um passatempo torna-se um vício como outro qualquer, por exemplo fumar, mas todos sabemos quanto é difícil deixar de fumar.


width=100%>align=center>

3_016.jpg

Na net por vezes fazem-se encontros simpáticos. Quem não conheceu o partner ideal, homem de boa conversa, alegre, disponível, inteligente, etc. Nasce uma cumplicidade entre os dois interlocutores, e lá começa a interminável história da troca de fotos... ele não é como esperavas, mas apesar de teres descoberto que é feio e magro (e tu gostas de feios e gordos) a tua dependência mental não diminui. Não vês a hora de falar com ele, de saber o que faz, como está.



O aspecto físico passa para segundo plano, aliás já nem conta - não obstante tudo, para te libertares desta dependência continuas a dizer a ti mesma: este homem não tem nada a ver comigo, é tão magrinho! Mas o teu cérebro não quer saber dos teus lamentos, das tuas crises, o teu cérebro ao contrario de ti já percebeu que o net-boy é uma âncora, um porto seguro sem muitas complicações (aparentemente).


Pobre net-boy, o que te fez gostar dele desde a primeira vez que o “viste” agora dá-te nervos: a sua disponibilidade para o sexo feminino, a sua simpatia. Ciúme, maldito ciúme, tu quere-lo só para ti, mas não é possível ele é assim, e sobretudo, ele não quer perder um único momento de fascínio que exerce sobre as mulheres. Na sua vida quotidiana não acontece, na vida real poucas sabem que existe, e uma delas é a mãe (porquê priva-lo desta felicidade?).
É inútil, a possessividade comanda - É inevitável, a história (salvo raras excepções), acaba mal.



width=100%>align=center>

5_009.jpg


BadBadLolita

ero7.gif

12
Dez04

Pai Natal, tás lixado!

Cereza

O Natal está aí, e o Boavisteiro resolveu abrir esta época festiva no blog! Claro que o Boavisteiro tem sempre umas opiniões muito sui generis sobre tudo... e o natal pai natal não podia escapar, claro! Fica aqui o texto dele :)


santa.jpg


PISCANÁLISE DO PAI NATAL


É meu dever chamar a atenção da Humanidade para os perigos dessa figura insidiosa que é o Pai Natal, que envenena as cabecinhas das nossas crianças.
Confesso desde já que detesto o Pai Natal porque ele nunca me dá as prendas que eu quero. Fartei-me de pedir-lhe uma Playstation 2. Com o Tekken 4. E nada! Estupor de velho.
Pese embora este meu preconceito, fiz uma análise científica ao Pai Natal. Os resultados são assustadores e preocupantes.
Começa logo por se vestir de vermelho. É comunista. Ora, os comunistas comem criancinhas, como toda a gente sabe. Além de serem pirosos.
Além disso, explora os anões lá na oficina dele. Trabalho infantil, digamos assim.
Por outro lado, explora as renas. Maus tratos a animais. Sim, alguém perguntou às renas o que elas acham de arrastar o raio do trenó com aquele velho gordo lá dentro?
Note-se, não tenho nada contra a terceira idade, nem contra os obesos. Eu próprio sou gordo. Mas EU não obrigo rena nenhuma a arrastar-me PELO MUNDO TODO. E com um horário tão apertado que tenha que ir a todas as chaminés do Mundo numa só noite.
Além do mais, é contra todas as leis laborais do Mundo civilizado.
E por falar em chaminés...
POR QUE é que o Pai Natal entra pela chaminé?
É mais que suspeita, esta forma de entrada. Se ele viesse com boas intenções, entrava pela porta, como toda a gente. Vá lá, pela janela. Ou de uma forma mágica qualquer. Sei lá, nas asas do sonho, ou coisa assim. Algo de fantasioso, romântico, apropriado às frágeis mentes infantis.
Se eu fosse a vocês, verificava bem as pratas e demais valores logo a seguir à noite de Natal.
Depois não digam que não vos avisei.
Sim, que o Pai Natal existe. MESMO.
O que o torna particularmente perigoso.
Porém, eu vou dar-lhe uma última oportunidade.


Caro Pai Natal:


Se este Natal me deres uma Playstation 2 com o Tekken 4, eu retiro tudo o que disse e escrevo um post a dizer que és a melhor coisa do Mundo.
Se não, vais-te arrepender de teres nascido, ok?


Boavisteiro

Natal.gif

09
Dez04

O meu Segredo!

Cereza
width=100%>align=center>

blog12.jpg

“Beba meu sangue e viva para sempre”. Recusava uma proposta destas? Os encantos da noite. Os prazeres do submundo. Uma eternidade para se divertir. Mas e a sua consciência? Aguentaria sobreviver às custas de outras vidas?
Parece deseperante, mas não é! Passo a explicar o gozo que me dá ser uma vampira... o sangue é a substância mais sublime que podemos saborear, é também a única! Ela satisfaz-nos a fome, como a fome dos humanos, mas para além disso fornece-nos uma incrivel sensação orgásmica, tal como num acto sexual, só que muito mais intenso,e muito mais poderoso. Não me recordo ter tido sexo tão extasiante quanto a pior de minhas refeições. Também não creio que qualquer outro que não de nossa espécie o tenha feito. Precisamos do sangue frequentemente para nosso sustento. Pode parecer cruel para vocês mortais, e pareceria cruel para mim mesmo se ainda fosse uma mortal, só que não podem nos culpar por isso. Somos uma espécie que luta para viver. Caçamos nossas presas assim como vocês matam bovinos, suínos e outros animais menos inteligentes para os mesmos fins.



blog10.jpgblog8.jpg



De facto somos criaturas que causamos conflitantes, de pavor e pena, mas, ao mesmo tempo, que também fascinamos por oferecermos a chance de viver ternamente.


Nós vampiros somos mestres na arte da sedução e do sexo... Recordo muitas vezes as minhas vitimas, possuidas por mim em bêcos e ruelas sombrias... Quando me olham nos olhos, já rendidas pedem-me num sofrimento extasiante, que não me arrependa de lhes dar o suave nectar da vida eterna. Ao sugar-lhes o sangue, gemem e gritam de prazer, os olhos delas pedem mais...a partir daí a mim pertencem. Não há sensação mais gloriosa, e mais poderosa!


E tudo começa num olhar...


blog9.jpgq11.jpg



Possuimos um fascínio de grande poder de sedução; seres noturnos sabemos como ninguém usar a magia e o encanto da noite, prometendo a vida eterna. Assim, é difícil resistir à sedução do vampiro.
Quando encontramos alguem que nos agrade, procuramos olhar fixamente nos olhos dessa pessoa para que os nossos poderes paranormais penetrem no seu inconsciente... Ao dormir, passam a ter sonhos eróticos conosco... sendo que tais sonhos permanecerão por alguns dias, até que cedo ou tarde, a vítima nos convide para a sua cama, onde nos envolvemos em intensos e sangrentos actos sexuais.


q02.jpg




As orgias também são do nosso agrado... Porque temos o poder de nos tornarmos em criaturas com as mais estranhas formas, é comum nas orgias vampirescas ocorrerem relações envolvendo seres grotescos e medonhos, portadores de garras afiadas e aberrações eróticas.
As nossas histórias envolvendo rituais orgiásticos são inúmeras... através dos nossos poderes telepáticos e hipnóticos, conseguimos atrair dezenas de pessoas para sombrias localidades, onde estas debruçam-se em extasiantes orgias. No fim destas maratonas sexuais escolhemos algumas para saciar a nossa sede. Somos portadores do desejo e da promessa da vida eterna através da comunhão pelo sangue e pelo sexo, rondamos as mentes e a imaginação, libertando as fantasias do desejo e da imortalidade.


Ja o meu amigo Sigmundo Freud estudou estes sonhos eroticos com a nossa espécie... e segundo a sua interpretação, significam um desejo obssessivo de posse sexual chegando ao extremo de um parceiro querer incorporar o corpo de seu amante. Ele complementa afirmando que para esse estado ser superado é necessário que o indivíduo passe a manter relações sexuais anormais e abundantes para saciar essa ansiedade voraz... Inteligente este meu amigo Freud... sim, ainda vive...mas no nosso mundo... numa noite de extase, alimentou a minha sede, e conquistou a vida eterna. Continua a estudar o comportamento... mas agora dos vampiros!


blog13.jpg



A nossa imagem mudou com o passar do tempo... deixamos de ser aquelas criaturas feias, que se escondem de tudo e todos, para nos tornarmos numa bela, e explendida espécie.
Outra amiga, a escritora Anne Rice (que por acaso, também vive entre nós) foi a responsavel por essa transformação...quando escreveu Interview with the vampire (Entrevista com o vampiro), trouxe para o mundo, um universo absolutamente romântico onde vampiros deixavam de ser criaturas malévolas e sanguinárias e passaram a ser mais humanas, repletas de beleza, desejos e paixões conhecidas dos humanos junto com a capacidade de uma vida eterna para viver, errar ou acertar, buscando experimentar tudo o que a vida pode oferecer, de forma absoluta.
Tom Cruise e Brad Pitt são a prova da beleza vampirica...A atracção entre ambos, mostra que não escolhemos sexo... existe é desejo... homem ou mulher, tanto faz!


blog5.jpg


Os sitios onde vivemos são fascinantes, temos um gosto requintado...Os palácios e castelos abandonados são a nossa primeira escolha!As paredes de pedra,o veludo vermelho sangue que cobre a cama,os candelabros gigantescos com centenas de velas que reproduzem as sombras da nossa alma. É aí que damos asas á nossa imaginação com as mais recentes presas.


Ao vê-los entrar no meu sumptuoso templo, por vezes sinto-me como uma rosa tingida de vermelho escarlate, que cai sozinha na noite, e com os meus espinhos aprisiono e abraço dando vida novemente... É um estranho e sedutor feitiço... um suave e profundo beijo nas Trevas da vossa mortal e fraca alma...Depois nunca mais se esquecerão de mim, vivam eles 1000 anos, uma eternidade!


BLDROSE.gifblog1.jpg

Por isso agora vos ensino:
O que fazer se levar uma dentada minha, ou de qualquer outro vampiro? Relaxe e goze. Aceite o facto, e prepare-se para um mundo novo, cheio de novidades. Terá vida eterna. Mas cuidado: tem sempre um caça-vampiros neurótico á sua espreita,cheio de frustrações na vida... louco para te enfiar a estaca no coração.... por isso é preciso ser discreto e andar sempre pelas sombras, mas tem as suas vantagens....não se envelhece, não se fica doente, não há ressacas...e a noite torna-se numa festa... eternamente!


vamp1.jpg

E agora, mind if I drink Your blood?



across2.gif
08
Dez04

Todos somos Vampiros!

Cereza

entrevista-com-vampiro06.jpg


Todos nós somos vampiros... não o tipico, mas sim vampiros de enrgias alheias. Encontrei um artigo de Vera Caballero. Ela é brasileira, jornalista, orientadora metafísica, professora de bioenergias e proteção psíquica e de Yoga. Vale a pena ler, e tentar relacionar com as pessoas que conhecemos.


Todos nós os conhecemos, sabemos como são, como se vestem, como agem e seus propósitos: sugar o sangue das vítimas, pois só assim sobrevivem.
Esses são os vampiros dos filmes, seres errantes de capa preta e grandes dentes, ávidos por sangue, que andam pelas sombras em busca de suas vítimas.



width=100%>align=center>

55.jpg



Mas existe um tipo de vampiro que convivemos diariamente - os vampiros de energia. Eles podem ser nosso irmão, marido ou mulher, empregado, amigo, vizinho, gerente do banco, ou seja, qualquer um do nosso convívio. Eles roubam energia vital, comum no universo, mas que eles não conseguem receber.



batmoonCLR.gif




Mas, afinal, porque sugam a nossa energia?

Bem, em primeiro lugar a maioria dos vampiros de energia actua inconscientemente, sugando a energia sem saber o que estão a fazer. Isso acontece porque elas não conseguem absorver as energias das fontes naturais e ficam desequilibradas energeticamente.

Quando essas pessoas bloqueiam o recebimento destas energias naturais (ou vitais), precisam encontrar outras fontes mais próximas, que nada mais são do que as pessoas ao redor.

Como identificar essas pessoas?
1. Vampiro cobrador: cobra sempre, de tudo e todos. Quando nos encontramos com ele, já está a cobrar o porquê não lhe telefonarmos ou visitarmos. Se vestir a carapuça e se sentir culpado, abrirá as portas.

2. Vampiro crítico: crítica tudo e todos, e o pior que é só critica negativamente. Vê a vida somente pelo lado sombrio. A maledicência tende a criar na vítima um estado de alma escuro e pesado, que abrirá seu sistema para que a energia seja sugada.

3. Vampiro bajulador: o famoso ”puxa-saco”. Bajula o ego da vítima, cobrindo-a de elogios falsos, tentando seduzi-la. Muito cuidado para não dar ouvidos ao bajulador, pois ele espera que o orgulho da vítima abra as portas da aura para sugar a energia.

4. Vampiro reclamador: reclama de tudo e de todos. Opõe-se a tudo, exige, reivindica, protesta sem parar. O mais engraçado é que nem sempre dispõe de argumentos sólidos e válidos para justificar seus protestos.

5. Vampiro inquiridor: sua língua é uma metralhadora. Dispara perguntas sobre tudo e não dá tempo para que a vítima responda. Na verdade ele não quer respostas mas sim desestabilizar o equilíbrio mental da vítima, perturbando seu fluxo de pensamentos.

6. Vampiro lamentoso: são os lamentadores profissionais, que anos a fio choram sua desgraças. Para sugar a energia da vítima, ataca pelo lado emocional e afectivo. Chora, lamenta-se e faz de tudo para despertar pena. É sempre o coitado, a vítima.

7. Vampiro meloso: investe contra as portas da sensualidade e sexualidade da vítima. Parece um polvo querendo envolver a pessoa com seus tentáculos. Ele suga a energia seduzindo ou provocando náuseas e repulsa. Nos dois casos você estará desestabilizado e vulnerável.

8. Vampiro grilo-falante: a porta de entrada que ele quer arrombar é o seu ouvido. Pode falar durante horas, e enquanto mantém a atenção da vítima ocupada, suga sua energia vital

9. Vampiro hipocondríaco: cada dia aparece com uma doença nova. É assim que ele chama a atenção dos outros, despertando preocupação e cuidados. Enquanto descreve os pormenores de seus males e conta seus infindáveis sofrimentos, rouba a energia do ouvinte, que depois sente-se péssimo.

10. Vampiro encrenqueiro: para ele o mundo é um campo de batalha onde as coisas só são resolvidas na base do estalo. Quer que a vítima compre sua luta, provocando nela um estado raivoso, irado e agressivo. Esse é um dos métodos mais eficientes para desestabilizar a vítima e roubar-lhe a energia.

Bem , agora que você já conhece como agem os vampiros de energia, livre-se deles o mais rápido possível. Mas, não esqueça de verificar se você, sem querer é obvio, não faz parte dessa lista...

Vera Caballero



width=100%>align=center>

66.jpg


Nos próximos dias vou escrever sobre uma das minhas paixões... os vampiros. Criaturas fascinantes e sensuais. "Mind if I drink your blood?"

07
Dez04

Gostos não se discutem????

Cereza

esq2.jpg


As mulheres querem tudo. Ainda querem todas as qualidades viris e neandertais que as suas avós queriam e aprenderam a querer toda uma nova série de qualidades sensíveis pós-modernas que, antigamente, só eunucos e tias solteironas tinham.
Até aí tudo bem. Acho até divertido ver um homem ser, alternadamente, latin lover canalha e menino carente sensível.


Não satisfeitas, as mulheres ainda exigem, que os homens tenham a obrigação de adivinhar quando elas querem o braço forte do neandertal ou o ombro amigo do gentleman.
Os homens são mais simples. Eles escolhem um arquétipo e ficam com ele. Nem é preciso pensar mais! Duhh


Se eu fosse homem, gostava sem dúvida de mulheres fortes e independentes. Só!!!! Outros tipos de mulheres, ditas frágeis, frescas, românticas, hipersensíveis, etc, confesso que teria vontade de as espantar à paulada... Irritam-me essas mulheres sonsas, que se mostram hiper carinhosas, mas não olham a meios para caçar a presa... ás vezes até lhes fazem a vida um inferno, sem eles darem por isso... coitadinhas, apenas o fazem por amor! (mas dessa espécie falarei noutro dia)


Tenho um amigo cujo sonho é ter um emprego público, uma casa no subúrbio pra fazer as suas jantaradas ao fim-de-semana, e uma mulher na qual ele possa dar uma palmada no rabo e dizer: "Mulher, mais cerveja pro pessoal!" Ela daria uma risadinha, sacudia o enorme rabiosque e iria rebolando buscar mais cerveja. Naturalmente, acabado o jantar, ela também arrumaria todo aquele caos, enquanto ele tiraria sua merecida soneca, até porque ninguém é feito de ferro.


Meu amigo é quase um neandertal, mas seu modo primitivo de ver as coisas é, também, bastante válido... Senão repare, ele sabe exatamente o que quer. Se encontrar uma mulher que se preste a esse papel, e existem muitas, ele nunca vai reclamar que ela é muito dependente, muito burrinha ou que não trabalha. Porque é exatamente isso que ele quer. O tempo todo.


esq3.jpg


Por outro lado, tenho certeza absoluta que, em vários momentos ao longo do casamento, essa mulher tão obediente vai-lhe jogar na cara que ele é um bruto, que não a deixa trabalhar e que não liga pros seus sentimentos (bem feita!!!!) como se não fosse exatamente assim que ela queria que ele fosse, como se ela não o tivesse escolhido, entre tantos outros homens, justamente por essas características.


Essa menina nunca terá que se preocupar com o mundo real ou com ganhar seu próprio sustento. Terá um braço forte sempre à disposição, para ampará-la, dar-lhe uns tabefes, se sair da linha, ou somente uns palmadinhas, para que vá buscar mais cerveja. E quando ele perder qualidades... Passa-se ao senhor seguinte!. Ora nem mais!


É a vida!


rose.gif

PS- Já altrapassamos os 2000 visitantes, acho que estamos todos de parabens!

05
Dez04

Maldita Cocaína

Cereza

01.jpg



Um blog não serve apenas para ter sempre textos bonitinhos, nem fotos atractivas... Por vezes é preciso denunciar situações no minimo chocantes da nossa sociedade, Já o fiz neste blog, falando dos actos barbáricos de que são alvos as mulheres, já falei do holocausto que foi talvez o mancha mais negra das história das civilizações, falei de pedofilia... mas infelizmente esses são temas que têm pouco feedback. Mas hoje terei de voltar novamente aos temas choque! Navegava pela net, e fui ter a uma página que me deixou de imediato transtornada... Quando escrevi o texto da Madonna exaltei a juventude, a força, a sensualidade, e o exemplo que essa mulher é para todos nós, aos 44 anos de idade... Hoje vou mostrar o contrário. Não é uma artista, não faz obssesivamente desporto, não é irreverente... mas digamos que também mudou a sua imagem... mas para pior.
Chama-se Roseanne Holland e é inglesa. Na primeira foto tem 29 anos, na ultima tem 37. Em 8 anos, passou de uma jovem mulher, a algo que não tem definição. O que a deixou assim? Cocaina e Crack!


Roseanne.jpg



Outro caso: Melissa Collara, na primeiro foto era uma menina de 18 aninhos, na segunda tem 21. Nesses 3 anos, foi presa 17 vezes, por se prostituir. Objectivo: arranjar dinheiro para sustentar o vicio da Cocaina e do Crack.


image002.jpg



>P>Terceiro caso: Penny Wood viciada em “speeds”... o declinio desta mulher deu-se num periodo de 4 anos. Na primeira foto tinha 36, na foto de comparação tinha 40.



image003c.jpg



A Penny escreveu uma carta aos organizadores desta iniciativa sobre as drogas fortes: "This drug is evil. There is no other way to describe it...it takes everything I have to walk a flight of stairs. My lungs are destroyed. I have no control over my bladder - I pee my pants all the time.(não traduzi, para não tirar o impacto das palavras.)


A Penny conseguiu largar as drogas, mas a Roseanne e Melissa morreram: Overdose! Mau demais para ser verdade, não é?


Esta foi uma campanha de choque, ou melhor de “terror” lançada pela policía inglesa. Chama-se “DON’T LET DRUG DEALERS CHANGE THE FACE OF YOUR NEIGHBOURHOOD”. A ideia é evidentemente mostrar como a droga, pode deteriorar um ser humano em tão pouco tempo, e claro está, a comunidade que o rodeia...


Mas agora a questão que se põe, é até que ponto funciona esta campanha de terror? Será que são eficazes? Não sei sinceramente! Mas que fiquei chocada, sem dúvida que fiquei!

03
Dez04

As recordações do Fonz!

Cereza

Hoje foi a vez do Fonz escrever o texto do dia! o meu fedelho como lhe costumo chamar!
Sim fedelho, pq esta coisinha mais querida tem 21 anos, e então ironia das ironias resolveu escrever sobre a adolescencia hoje em dia! ai que saudades, né Fonzie? Fica aqui a foto da estrela: um dos meus amigos mais antigos da net! (portanto conhecendo-o há sensivelmente 6 anos, tinha esta pestinha 15 - ainda hoje me pergunto, de que falaria eu com ele nessa altura lolll)


Dude1-ani-avatar.gif




OPS enganei-me, não é esta a foto... É esta!


width=100%>align=center>

1.jpg


Crises da Adolescência de hoje em Dia


Realmente, acho que podia começar com conversas do estilo “Ainda sou do tempo …” mas isso ia levar todos vocês a querer fazer um texto parecido porque certamente todos têm uma opinião sobre o assunto. Azar, visto que eu tive primeiro a ideia e agora vocês podem contentar-se a comentar …


Lembro-me de quando andava na secundaria, olhava para os putos que entraram para o 10º ano e dizia “Epah, que meia leca!” ou então dizia “Eh eh que artolas!!”, quase sem aperceber-me que um dia também tinha feito aquelas figuras. Mas isto são situações que eu consigo comparar com o meu passado, ao contrário de outras.
Hoje em dia, interrogamo-nos o que aconteceu aos fabricantes de berlindes ou aos produtores de bombinhas de Carnaval, alem de muitas outras coisas que marcaram as nossas juventudes.


Por vezes, começo a olhar para o meu passado e fico a pensar se eu é que tive algo diferente da maioria dos jovens, ou se aconteceu alguma coisa e eu assim por ser um pouco aluado não captei bem o que aconteceu… Hoje passo na rua e vejo grupos de 10 ou 15 putos, todos iguais (penteados, roupas, vozes, narizes empinados, etc. …). Quando eu tinha a idade deles, não me lembro de haver situações destas, ou se havia, eu devia ser mesmo muito tapadinho … Será que eles também têm os problemas que eu tive? Analisando a preocupação que eles parecem ter em relação à estética, aposto que as primeiras borbulhas devem ter sido um drama descomunal! Nem queriam sair à rua porque a miúda de quem gostam (que deve ser quase igual a outras 50 lá da escola) vai gozar com ele e deixa de gostar dele e vai passar a gostar do amigo dele (que é igual, mas sem borbulhas). No meu caso, eu achei que até estava louco, ao menos já me estava a “transformar”, não sei se para bem ou se para mal, mas isso também dá pano para muitas mangas … Puberdade não deve constar nos seus dicionários, quanto muito, soa ao nome do boss do 3º nível do jogo …



Agora, também podemos falar das novas tecnologias. As tretas das Playstation, que digam o que disserem não substituem um belo serão de “Quem é Quem?” ou de “Monopólio”, alem das conversas da treta e os jogos em grupo do Messenger não estão à altura de um jogo de Cirumba ou das Escondidas. Até os engates, ai os engates … Antes era fixe escrever aquelas cartas anónimas e ao fim de umas quantas marcar um encontro ou então o sacana do Jogo da “Verdade ou Consequência” na Casa da Arvore, em que todos se borravam caso tivessem de beijar a gorda lá da rua ou tivessem de andar pelo bairro em cuecas, mais aquelas cenas maradas que a nossa imaginação inventava … Actualmente aos 6 anos já têm telemóvel e aos 10 já têm net. Pode-se mandar uma sms ou encontrar o mail para adicionar ao MSN e começar com tretas. Realmente deve ter alta piada escrever com x´s e k´s e dizer “Amuh-te buéx Kido” ou “Mana winda” . Nem devem saber o que é dar valor às coisas, porque a muitos nunca faltou nada, quanto mais dizer que amam. Isto com franqueza, devem dizer isso tantas vezes mas tantas vezes que o Cupido já nem se deve dar ao trabalho de ligar às suas vidas amorosas …




Como diria o meu avô, “Hoje a juventude sabe mais que o pai da Aida …” Sim, claro que sabem. Sabem o que aprendem, alem de saberem o que julgam que sabem! Ainda no outro dia, ia no Metro passei pela estação das Olaias e vinha o grupinho das meninas dum daqueles colégios de gente tão moralista e tão cheia de valores, como eu sou um cantor de opera em Part Time e faço uns biscates como Engenheiro Nuclear na NASA, em que uma delas, talvez a líder (Líder porque tem o peito maior, coisa provocada pelos hambúrgueres que se comem hoje em dia …), vinha a expor todo o seu gigantesco intelectual. Segundo aquele génio precoce incompreendido, digna sucessora do legado de Tomás Taveira, aquela estação era feita de mármore proveniente de França, pois lá é que há mármore de 50 cores diferentes … Eu não soube se havia de me rir do que ela disse, ou das amigas dela que pareceram acreditar naquela lenga lenga …



gap1.gif


Perante isto, acho melhor eu pensar em reformar-me mais cedo pois a inteligência desta gentinha com mentes brilhantes, cresce a um ritmo alucinante e o mais certo é que daqui a uns tempos, putos com 5 ou 6 anos, saibam cenas que eu só soube quando tive 18 anos, ou qualquer dia andam a vender teses de Mestrado ou Doutoramento a alunos mesmo à rasca …


Provavelmente não sabem qual é o stress de um pai ao tentar ensinar o filho a fazer o nó dos sapatos, basicamente, nem apertam os sapatos porque é muito mais cool andar com os atacadores soltos …
Não sabem o que é o Natal, nem acreditam no Pai Natal – mas já sabem cravar as últimas novidades dos brinquedos e jogos e tretas em que vão mexer umas duas ou três vezes e depois deixa-las afundar-se no esquecimento …


Cada vez mais, ser-se jovem é ser-se materialista, interesseiro, ou mimado … Mas a culpa será dos jovens ou de quem os educa? Não será isto levar demasiado ao extremo “Não quero que passem certas dificuldades que eu passei”? Sinceramente, como pessoa equilibrada, acho que “no meio está a virtude”. Para bom entendedor, meia palavra basta...

Pág. 2/2

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2006
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2005
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2004
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D