Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Urban Jungle

pensamentos, divagações e tangas da selva urbana

pensamentos, divagações e tangas da selva urbana

Urban Jungle

27
Abr05

Uma nova empresária! II

Cereza

Pronto, pronto, acabemos com a novela da Queen, aqui fica a segunda e ultima parte!



gatoo copy.jpg


2ª parte


"As horas vão passando e, aos poucos, os feirantes que estavam ao nosso lado começam a conversar conosco e a ensinar algumas coisas, como por ex: “Os melhores dias para vendas são após o dia 20 de cada mês e no fim dos mesmos, porque num, é o dia dos ordenados da malta da função pública e o outro, o das restantes pessoas.” Ou seja, em vez de vendermos os trapos a 50 cêntimos, ou um euro, podemos pedir mais qualquer coisinha. Dica valiosa a ser utilizada brevemente, se não desatar a chover a potes.

Continuamos a dar-nos com os colegas dos lados esquerdo e direito, que são simpáticos e até nos rimos de algumas situações ocorridas entre eles e os fregueses. Uma das mais hilariantes foi a seguinte:
Do nosso lado direito estavam um rapaz e uma rapariga a vender objectos de jardinagem (regadores de aspecto antigo, ancinhos, flores secas, cestos, etc); um senhor já idoso parou para ver o que tinham. Com um sorriso maroto, apontou para um boneco em forma de catatua (muito bem feito, por sinal) e disse, sorrindo: “A minha mulher andava a chatear-me para lhe comprar uma gaiola com canários... agora levo-lhe um papagaio.” Desatámos todos a rir à gargalhada, com o ar satisfeitíssimo do senhor. Isto pode soar a algo simples, mas acreditem que teve mesmo muita piada e deu azo a algumas gracinhas trocadas entre nós e os nossos colegas.

Daí a mais um tempo, resolvemos empacotar novamente as coisas, colocar no carro, dar uma volta pela feira e estarmos atentas a locais estratégicos para estacionar o carro e montar a tenda. Já não me lembrava que a Feira fosse tão vasta. É difícil não ficarmos deslumbradas com a variedade de coisas que se encontram ali. No meio da quinquilharia, encontra-se sempre algo interessante. Basta saber procurar ou ter paciência para tal.

No entanto, no meio daquilo tudo, algo de cor berrante estava no chão e a atrair a atenção de quem lá passava: um alguidar com três gatinhos muito bébés. Deviam ter entre duas a três semanas, demasiado novos para estarem ali para serem dados. A feirante explicou-nos que a mãe deles havia morrido atropelada e que resolveram dá-los em vez de os afogar. Para que tivessem uma hipótese. Ficamos com pena e com algum temor, porque nem toda a gente sabe tratar de um gatinho que ainda não foi desmamado.

Afastamo-nos um pouco, a pensar naquilo. Duas raparigas doidas por animais, perante aquela situação... tentamos arranjar uma solução, telefonando para algumas pessoas. Uma Associação dispôs-se a recebê-los, de modo que voltamos para trás. Já só havia dois gatinhos. Um tinha sido dado antes de chegarmos. Só espero que saibam tratar dele convenientemente. Trouxemos os dois orfãos. Vamos levá-los a casa da minha amiga, que irá entregá-los no dia seguinte. Compramos seringas e leite para gatinhos. Um deles mama furiosamente o leite e o outro, é quase uma tourada para o fazer comer. É o mais pequeno, mais enjeitadito. Continuo a fazer esforços e fico cheia de leite no casaco. Mas consegui. Vitória!

Aquelas duas coisinhas fofas tentam brincar, desajeitadamente e tentam lavar-se, tão pequeninos...!

Não me irei alargar mais aqui.
A experiência na feira foi engraçada, tenciono voltar lá mais vezes. Só espero que não tenha mais desfechos como este...


Queen_Akasha


botas copy.jpg



Another Perfect Day



"...i still believe it when you say
it's another perfect day
another perfect day
i still believe it when you say
it's another perfect day
another perfect day..."



Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2006
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2005
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2004
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D