Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Urban Jungle

pensamentos, divagações e tangas da selva urbana

pensamentos, divagações e tangas da selva urbana

Urban Jungle

27
Fev05

Somos Fetichistas?

Cereza

1219021 copy.jpg


Sempre achei interessante o tema fetichismo… mas refiro-me ao fetiche “soft”… Aquele que povoa as nossas cabeças, e ninguém parece querer confessar por uma questão de pudor! Ora, por amor de Deus, que mal tem? Sempre que leio algo sobre o assunto, parece que é um bicho de sete cabeças… algo de muito mau e degradante para o ser humano, e de facto não acho que assim seja. Alias acho que pode até ser muito saudável, dentro do razoável, como é evidente. Senão vejamos:
Qual a parte do corpo da mulher para o qual o homem em geral mais olha? O mais natural é fixar-se no rabo, ou nos seios… Pois é, mas pode também ser a voz, o cabelo, ou até os pés….esse gosto tão peculiar e à primeira vista esquisito é mais comum do que se imagina. A quantidade de sites de adoradores de pés femininos na Internet é impressionante.


Mas a veneração dos pés é apenas uma das muitas formas de fetichismo, essa manifestação tão particular da sexualidade. Os objectos do desejo fetichista são os mais variados… Podem ser partes do corpo não directamente ligadas ao sexo, como os saltos altos, meia de liga, lingerie, batom, o cabelo, roupa de couro ou latex... Quando se quer atiçar a fantasia, tudo parece valer a pena!

erovid11 copy.jpg


A palavra Fetiche vem do francês fétiche, que quer dizer “feitiço”. Nada mais adequado!! Os fetichistas ficam mesmo enfeitiçados pelo objecto que os excita.
Pessoalmente acho que no fundo, no fundo, todos nós somos fetichistas.
Dizem que o fetichismo é muito mais comum entre os homens do que entre as mulheres, e isso tem explicação. O homem estimula-se muito mais visualmente, excita-se com uma lingerie sexy, ou umas pernas bonitas, ou então um jogo sexual... Já a mulher tende a ver o sexo de uma forma mais global, e seu estado emocional no momento da relação sexual é o mais importante.
São curiosas as simbologias e associações ligadas aos fetiches… há muitas e nem todas são racionais…a lingerie branca, por exemplo, pode remeter à pureza; a preta e a vermelha sugerem ousadia; as roupas de couro lembram sadomasoquismo.


angelina16 copy.jpg


Temos de ser honestos, todos nós já sentimos isso, uma ou outra vez…. Os fetiches acabam por ter um poder muito grande, pois dão vazão aos pensamentos e desejos mais secretos de cada um.
O único problema é quando o fetiche limita a vida sexual, Aí já as coisas são diferentes, e não vou sequer tentar entrar por esse caminho, porque não sou nenhuma estudiosa do assunto.
No entanto, na minha opinião o fetiche “soft” pode ser altamente saudável como um complemento da vida sexual, como uma forma de dar mais graça e fantasia ao sexo. Aposto que você que está a ler este texto, está neste preciso momento a pensar numa situação mais ousada que já teve na sua vida sexual, ou então que gostaria de ter. Estou certa?


batman2 copy.jpg


N.E.R.D – She want´s to move


“…Shake it up.. shake it up girl
Shake it up.. bass
Hey! Shake it up.. shake it up

She makes me think of lightning in skies
(Her name) She's sexy!!
How else is God supposed to write
(Her name) She's sexy!!
Move, she wants to move…”


24 comentários

Comentar post

Pág. 1/3

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2006
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2005
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2004
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D